Você está no funil do fracasso? Saiba aqui

Thumb Você está no funil do fracasso? Saiba aqui

Você está no funil do fracasso

A pergunta é muito simples: Você está no funil do fracasso? Será que você sabe responder agora?

Vamos refletir juntos.

Você sabe por que existem tão poucas pessoas bem-sucedidas no mundo?

Por causa de um funil. Isto mesmo. Vamos chamar esse funil de funil do fracasso.

Tá bom pra você?

Não? Ótimo. Você dá a primeira demonstração de que pode ficar fora dele.

E aí você aumenta as suas chances de estar entre essas poucas pessoas no mundo que são bem-sucedidas.

Como é isso?

Vamos explicar a você como funciona esse funil do fracasso.

Mas, preste atenção, porque você tem que ir até o final para entender.

Você está

O funil do fracasso começa numa entrada lá no alto onde as pessoas vão mergulhando de cabeça no funil. E essas pessoas começam animadas. Mas depois de algum tempo, como o nome mesmo diz, vão se afunilando cada vez mais, até não sobrar praticamente ninguém.

As pessoas que entram podem até ser numerosas. Mas isso não faz muita diferença. Mesmo que sejam poucas pessoas, ainda assim vão se afunilando até não sobrar quase ninguém na saída do funil.

Até o ponto mais alto

Para entender melhor, pense num triângulo. Só que, ao contrário do funil, a entrada fica na base e a saída fica no topo, ou seja, no ponto mais alto do triângulo.

As pessoas entram devido a algo que elas consideram uma boa oportunidade.

Até o ponto mais alto

Algum tempo depois, pela falta de ânimo, por total ausência de pique, ou até por preguiça ou falta de vontade, algumas delas desistem.

Algum tempo depois, achando que os resultados estão demorando muito, mais pessoas desistem.

E esse processo não cessa.

Errar não é fracassar

Na faixa seguinte do funil, algumas pessoas erram alguma coisa e, em vez de aprenderem com o erro, acham que isso significa um fracasso. É mais gente que sai.

Por enquanto estão no funil, ou no triângulo da vitória, apenas os que resistiram até aqui. Mas ainda assim há os que, embora tenham aprendido com os erros, consideram-se incapacitadas ou então, por qualquer outro motivo, desistem.

Vai sobrar quem? Um reduzido número. Que vai compor exatamente o grupo dos vitoriosos.

Conquiste a roda (ou o triângulo) da vitória

Assim é a roda da fortuna na vida real. Ou a roda da riqueza. Ou a roda da vitória.

Vitorioso

São poucos os que conseguem, porque são poucos os que se dedicam, os que aprendem com os erros, os que persistem, os que se dedicam, os que insistem, os que não desistem.

E, portanto, são poucos os que alcançam o sucesso.

Estão em toda parte

Se você observar com atenção, verá que isso acontece na vida em muitos setores.

Você verá que o número de pessoas que concluem um curso é muito menor do que o número de pessoas que começou o curso. Isso acontece em todos os níveis de ensino. E até nas academias de ginástica, onde muitas pessoas estão entrando o tempo todo, mas muitas estão saindo ao mesmo tempo.

E a academia de ginástica só não fica vazia porque a porta de saída está aberta, mas a porta de entrada também está permanentemente aberta. E na maior parte das vezes as pessoas estão saindo não porque a academia seja ruim. Estão saindo porque não persistem. Porque desistem.

E é isso o que acontece: as pessoas vivem desistindo. E desistem muito. Até por motivos fáceis de transpor. Ou por motivos fúteis. Ou por preguiça. Ou por não entenderem que a forma mais infalível de fracassar é desistir.

Então, se você quer mesmo vencer na vida e tornar-se uma pessoa bem-sucedida, não desista.

Para que você possa manter-se fora do funil do fracasso.

E entrar para a roda do sucesso. Ou para o triângulo da vitória, onde todos têm uma visão mais elevada e abrangente. Porque estão lá no alto. Vitoriosos.

Quer trabalhar no exterior sem precisar de patrão? Leia aqui para saber como isso é possível.

No item Dinheiro do menu você também encontra mais temas interessantes.

Envie seu comentário:

Você também pode gostar: